domingo, 9 de fevereiro de 2014

Amor assim

Não há um dia em que não me faças sorrir, mesmo naqueles dias em que podemos discordar de algumas coisas.
Eu sou a tempestade, tu um belo dia de sol e brisa leve. Tens esse dom de minimizar os problemas e as irritações. Tens as tuas imperfeições que fazem de ti o homem maravilhoso que és.
Sou dependente de ti.
Detesto que as nossas profissões por vezes nos separem mas a cada reencontro tenho mais a certeza que quero estar ao teu lado e que quero que estejas do meu lado.

4 comentários:

Ana A. disse...

"Sou dependente de ti", é uma frase que me alarma e exactamente aquilo que não desejo a ninguém.

Perfectly Crazy disse...

Ana, quem me conhece e há aqui quem me lê é me conhece, sabe que sou uma mulher independente há vários anos. Neste momento da minha vida, gosto da dependência que tenho em relação ao amor dele porque é sinal que sou feliz. E ele sabe transmitir-me esse amor mesmo em dias como hoje, dia dos namorados, em que eu estou em Portugal e ele no Luxemburgo em trabalho.

Duckman disse...

Ana A., há sempre o desprezo e ainda a possibilidade de usar o outro como um penso higiénico! É sem dúvida muito mais asséptico!


Querida perfectly Crazy,
fico muito satisfeito em ver-te com a parcela maior do que te faltava na vida.
beijos.
em silêncio mas continuo por aqui.

Perfectly Crazy disse...

Querido Duckman eu sei que andas sempre por aí. Beijinhos